Arquivos do Blog

Primeiro episódio da quarta temporada de “The Walking Dead” quebra recorde de audiência da série

the-walking-dead-4-temporada-06-590x393

“The Walking Dead” quebra recorde de audiência com estreia da 4ª temporada

“The Walking Dead”, série da AMC sobre apocalipse zumbi, conquistou mais uma vez um recorde próprio de audiência. O primeiro episódio da quarta temporada bateu os números do final do ano três.

O episódio de estreia da quarta temporada, Intitulado “30 Days Without an Accident” atraiu pouco mais de 16 milhões de espectadores à rede estadunidense AMC.

Previamente, “Welcome to the Tombs” era o detentor do maiore número de audiiendia, com 12,4 milhões.

Mesmo exibido oficialmente somente nos Estados Unidos, o retorno da série já repercute no Brasil, onde uma legião de fãs “dribla” a diferença de dois dias para o programa chegar à TV a cabo (no canal FOX) baixando episódios na internet.

Quem já viu o primeiro episódio do quarto ano, parece ter gostado. “Tô tão feliz pelo primeiro episódio de The Walking Dead que acho que vou assistir de novo”, disse um internauta. ”‘The Walking Dead’ voltou muito bem”, comentou outro.

No início da tarde hoje, o termo “The Walking Dead” ficou no topo dos trending topics no Brasil e no mundo.

A série de maior sucesso entre os jovens, terá  estreia da quarta temporada no Brasil pelo canal Fox nesta terça-feira (15), às 22h.
TV FOCO

Grupo Bandeirantes desiste de venda do Band Sports à Fox Sports

A aquisição do Band Sports pelo Grupo NewsCorp., do magnata Rupert Murdoch, não acontecerá mais. O Grupo Bandeirantes, em coletiva sobre a Olimpíada de Londres na última segunda-feira, 04, tratou de negar qualquer possibilidade de o negócio ir adiante.

Na ocasião, Paulo Saad, diretor do Band Sports, aproveitou para anunciar que o canal receberá novos investimentos logo depois dos Jogos Olímpicos.

A compra do Band Sports pelo Grupo NewsCorp. fazia parte de uma estratégia de Murdoch para enfraquecer as Organizações Globo no país. O magnata planejava transformar o braço esportivo do Grupo Bandeirantes em um segundo canal Fox Sports, lançado no início deste semestre. A estratégia visava bater de frente com o canal SporTV e seus “filhotes”, o SporTV2 e SporTV3. A desistência é vista no mercado como uma ameaça de retaliação da Globo à Band, as duas, como se sabe, mantêm inúmeras parcerias no campo esportivo.